A Pousada   Hospedagem       Fauna e Flora  

Ao contrário do muitos pensam, as abelhas nativas do Brasil não possuem ferrão. Elas são vitais para manutenção dos ecossistemas brasileiros, pois são responsáveis pela polinização de muitas espécies vegetais. Conheça um pouco sobre essas abelhas e descubra o quanto são especiais!

Jataí - Tetragonisca angustula
Esta pequenina abelha mede apenas 5mm é uma das espécies mais abundantes no país. Assim como as outras abelhas sem ferrão, armazena mel e pólen em potes de cera e os favos de cria são horizontais. Tem um mel muito saboroso que é fabricado em quantidade pequena se comparado a produção da abelha africanizada. Na Pousada Tarituba há diversos ninhos naturais espalhados pelo jardim e caixa racional próxima aos laguinhos.
  Boca de Sapo
  Partamona helleri

  Esta abelha recebe este   nome popular por causa   do formato da entrada   de seu ninho. Costuma   defender bem o ninho,   perseguindo invasores.
 
 Tujuba
 Melipona rufiventris

 Esta abelha vive em  ninhos grandes  construídos em ocos de  árvores. É muito  apreciada para produção  de mel.

O manguezal é um ecossitema muito importante pois funciona como berçario para muitos peixes marinhos. O goiamu pode ser considerado símbolo desse ambiente que abriga várias outras espécies.

  Goiamu – Cardisoma guanhumi
  Este Caranguejo pode ser encontrada em grande extensão no   litoral atlântico da América: Texas e sul da Flórida (EUA) a costa do   Brasil. Na Pousada Tarituba pode ser encontrado em quase toda   sua área, mas principalmente próximo ao rio que corta o terreno da   Pousada, onde existe um pequeno mangue. O macho apresenta   uma garra bem maior que a outra. Conseguem respirar dentro e   fora da água, mas passam a maior parte do tempo fora da água.
  São totalmente inofensivos!

  Seu ciclo reprodutivo é totalmente ligado às estações quentes do ano e as fases da lua. As fêmeas carregam os   ovos consigo por aproximadamente duas semanas. Em noite de lua cheia do verão as fêmeas migram juntas para
  o mar para liberar as larvas recém eclodidas, que dependem da água salgada para sobreviver. A população de   Paraty denomina esse evento de “lavar a ova”. Essa migração pode ser observada na praia de Tarituba. O goiamu
  e outros caranguejos tiveram sucesso ao invadir a terra, mas parte de seu ciclo de vida ainda ocorre no mar.
  Ameaçado de extinção! Na Lista de Espécies Ameaçadas de Extinção do Estado do Rio de Janeiro está na   categoria Ameaçada – Em perigo por causa da destruição do habitat, coleta, comércio, área de distribuição restrita
  e populações em declínio.
    Aves   Sapos e perecas      
Praia de Tarituba - BR 101 Rodovia Rio-Santos km 541 - Paraty - RJ